terça-feira, 12 de abril de 2011

Funções na Televisão

Em uma redação de televisão, o trabalho é feito por uma equipe de profissionais, cada um com uma função específica. A nomenclatura e as atividades previstas são variáveis de emissora para emissora, em função de suas rotinas e a experiência do seu pessoal. Na seqüência (em ordem alfabética) pode-se observar algumas dessas atividades.
- Âncora: Trata-se da nova denominação dada ao apresentador do programa. A idéia é que o apresentador possa agir com mais liberdade e criatividade e em muitos casos passou a acumular esta atividade com a de editor-chefe (caso da Globo no Brasil) ou editor-executivo.
- Assistente/operador: é o responsável por operar ou auxiliar na operação dos equipamentos do telejornal, como áudio e iluminação, por exemplo.
- Assistente de estúdio: é quem faz a ligação entre o estúdio e a sala de controle. As informações são transmitidas a ele através de um ponto eletrônico. Ele vai passando os tempos do programa para o apresentador, como o que falta para começar ou acabar e o tempo de uma entrevista ao vivo.
- Chefe de reportagem: é a base operacional do telejornalismo. É ele quem faz as escalas de trabalho e determina as equipes que vão cobrir as pautas do dia. Monitora o trabalho dos repórteres.
- Câmera de estúdio: o cinegrafista de câmera de estúdio é o responsável por enquadrar os apresentadores e entrevistados – se for o caso – dentro do estúdio. O equipamento normalmente fica apoiado a um carrinho.
- Coordenador de jornal: é o responsável por toda a harmonia do telejornal, pelo bom andamento do trabalho. Ele confere as laudas e as distribui a todos os envolvidos no processo.
- Coordenador de vivo: é aquele que coordena a entrada ao vivo do repórter, indicando inclusive o momento em que o repórter vai entrar no ar. Fica em contato direto com o suíte master.
- Diretor executivo ou chefe de redação: acompanha o trabalho da chefia de reportagem, dos editores e dos repórteres. Responde às consultas imediatas sobre dúvidas editoriais.
- Diretor de TV: é ele quem faz os cortes na apresentação do telejornal, sempre guiado pelo script do programa. As imagens captadas pelas câmeras do estúdio ficam em vários monitores, e através deles o diretor de TV decide qual delas vai ao ar.
- Diretor responsável: é quem responde pelo jornalismo da emissora. É o canal entre o jornalismo e os outros departamentos da emissora. Normalmente é ele quem define orçamentos, contratações e promoções.
- Editor de arte: é o responsável pela criação da identidade visual das matérias, juntamente com o editor de texto e o repórter. Precisa conseguir expressar visualmente as informações que não foram captadas pela câmera.
- Editor de imagens: seleciona as imagens que se encaixam melhor no texto. Alinha a sequência de vídeo e áudio gravados, de acordo com os critérios da edição.
- Editor de texto: avalia as informações e as imagens trazidas pela equipe de reportagem e, juntamente com o repórter, dá formato ao texto final.
- Locutor de cabine: não aparece diante das câmeras. É o profissional que apenas grava os off’s para notas cobertas.
- Operador de áudio/ sonoplastia: é aquele que abre o som dos microfones e os modula para a exibição. O áudio do material gravado é modulado no momento da exibição e o áudio ao vivo é testado minutos antes do início.
- Operador de caracteres: opera a máquina que contém os textos do script. São créditos e outras informações que aparecem na tela, como endereços e telefones.
- Operador de VT: revisa as fitas e verifica a qualidade técnica de áudio e vídeo.
- Pauteiro: é o responsável por ir atrás das informações que podem se transformar em matérias telejornalísticas. Ele precisa ser curioso, ter faro pela notícia e, acima de tudo, boas fontes. Acompanha tudo através da leitura de periódicos, agenda, internet e contatos pessoais.
- Produtor: participa de todas as etapas da matéria. É aquele que produz a pauta, identifica os entrevistados, acompanha a equipe na hora da execução da pauta. Faz o trabalho de pesquisa, o que facilita a vida do repórter.
- Repórter: reúne as informações, realiza entrevistas e escreve o texto das reportagens. O tempo da reportagem é dito pelos editores, mas o repórter tem o dever de tentar negociar esse tempo, justamente por ter mais conhecimento do assunto.
- Supervisão de imagens/chefe de operações: é o responsável pela verificação dos equipamentos e fitas. Confere também as necessidades do jornalismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião sobre os textos e fatos divulgados no blog são muito importantes, por isso, serão analisadas e posteriormente, se estiverem de acordo com os temas, liberadas.
Forte abraço!!!