quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Blogueiro não é jornalista

Fiz uma pergunta para vários professores do curso de comunicação da Universidade Católica de Pelotas (UCPel): Blogueiro é jornalista?A Resposta é unâanime: Não! E não são somente eles que pensam assim, é um pensamento comum no meio profissional. Só pensa o contrário, justamente os blogueiros. Uma pesquisa americana revela, inclusive, que 52% deles pensa ser jornalista.
O termo Web Blog ou somente Blog refere-se a diário virtual. Esta é a proposta ortiginal da criação deles. Ou seja esta enquadrado dentro das redes sociais. Deveria ser palco de um posicionamento do autor dos textos e participação dos leitores nos comentários concordando, discordando ou colaborando na formação de um post. Em pesquisa sobre o tema em nenhum momento refere-se a imprensa ou jornalismo. Blog seria entretenimento.
Já imprensa, segundo Wikipédia, é a designação coletiva dos veículos de comunicação que exercem o Jornalismo e outras funções de comunicação informativa — em contraste com a comunicação puramente propagandística ou de entretenimento. Ou seja, o foco do jornalismo não é propaganda nem entretenimento.
A Situação ficou ainda mais complicada com a queda da exigência de diploma para exercício da profissão de jornalista, em 2009. Apesar da luta da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) para reverter a situação o assunto não é levado como prioridade no Congresso. Com isso criou-se o estigma de que "todo mundo agora é jornalista", o que não é verdade. É preciso muito, mesmo sem diploma, para ser jornalista. E Nâo é um simples blog, sem controle nenhum que torna alguém jornalista.
Parece ser crescente um mecanismo de controle nesta terra sem lei que é a Internet. Para abrir um jornal é preciso um jornalista responsável. Para notícias de rádio é preciso um jornalista. Então para notícias da internet também é preciso ser jornalista. Quem quiser ser blogueiro, expressar sua opinião em total liberdade, tudo bem. Mas não queira ser o que não é. Somente com essa consciência que será possivel um futuro melhor para os formandos nas faculdades de jornalismo, ou então aos poucos o espaço que já é pequeno será nenhum e ocupado por qualquer pessoa que tenha acesso na internet e um perfil em rede social.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião sobre os textos e fatos divulgados no blog são muito importantes, por isso, serão analisadas e posteriormente, se estiverem de acordo com os temas, liberadas.
Forte abraço!!!